Muriaé Intervalos nubladoMax 33º
Min  20º
JORNALISMO | 11/12/2018 « Voltar

Por 9 votos a 8, Davi Lacerda é eleito presidente da Câmara Municipal de Muriaé para 2019


A eleição se deu nesta terça (11), e a vitória da Chapa 1 foi anunciada pelo atual presidente, Ademar Camerino Após o anúncio, o presidente eleito fez um breve discurso

Por 9 votos a 8, Davi Lacerda é eleito presidente da Câmara Municipal de Muriaé para 2019
Davi Lacerda e os colegas de chapa, Camerino, Lelei, Carlos Delfim e Evandro Cheroso




A eleição contou com a presença do vice-prefeito, Marcos Guarino









O atual 1º vice-presidente da Câmara, Celsinho, mostrando que a urna estava vazia antes do início da votação

Davi Lacerda votando



A chapa eleita tem o vereador Lelei como 1º vice-presidente

O 2º vice-presidente será Ademar Camerino

Carlos Delfim ocupará o cargo de 1º secretário

E completando a nova Mesa Diretora, Evandro Cheroso será o 2º secretário

Momento da apuração dos votos

Após a eleição, Reginaldo Roriz, que encabeçava a Chapa 2, agradeceu aos apoiadores e desejou sorte a Lacerda

O presidente eleito ao lado dos vereadores que apoiaram sua candidatura

A Chapa 1 contou com votos das duas vereadoras da Casa, Miriam Facchini e Helena Carvalho


Davi Lacerda (DEM) será o presidente da Câmara Municipal de Muriaé em 2019. A eleição da Mesa Diretora da Casa Legislativa aconteceu na noite desta terça-feira (11), e a disputa foi acirrada. A Chapa 1, encabeçada por Lacerda,  venceu por 9 votos s 8 a Chapa 2, que tinha Reginaldo Roriz (PSD) como candidato a presidente da Câmara.

Votação

Com exceção do vereador Ciso, todos os vereadores declararam o voto no momento da votação feita na tribuna.

Votaram na Chapa 1 os vereadores: Ademar Camerino (Pros), Carlos Delfim (PSDB), Davi Lacerda (DEM), Devail Gomes (PP), Evandro Cheroso (PR), Sargento Joel (MDB), Helena Carvalho (MDB), Miriam Facchini (PSDB) e Lelei (DEM).

A Chapa 2 contou com os votos de: Carlos Macuco, Celsinho, Ivanir do Gaspar, Jair Abreu, Dr. José Carlos, Júlio Simbra e Reginaldo Roriz e Ciso.

Com o resultado final de 9 x 8 em favor da Chapa 1, mesmo não tendo declarado seu voto, ficou claro que Ciso optou pela Chapa 2, uma vez que foi o único a não tornar pública sua preferência.

Confira a composição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Muriaé em 2019:

Presidente: Davi Lacerda

1º Vice-presidente: Lelei

2º Vice-presidente: Ademar Camerino

1º Secretário: Carlos Delfim

2º Secretário: Evandro Cheroso

 

A Chapa 2, que perdeu a disputa, tinha a seguinte formação:

Presidente: Reginaldo Roriz

1º Vice-presidente: Júlio Simbra

2º Vice-presidente: Celsinho

1º Secretário: Jair Abreu

2º Secretário: Carlos Macuco

 

Texto: Rádio Muriaé - reprodução na íntegra ou parcial do conteúdo (texto e imagem) permitida somente mediante crédito.

 



Fonte : Rádio Muriaé




COMENTÁRIOS 4


Jeambre de Souza mota
Postado no dia 11/12/2018 - 22:20 Cidade: Muriae - Mg
» Estou esperando vcs vereadores aqui no bairro Joanópolis e posso garantir que a recepção não será muito boa só aparece e 4/4 anos


Elisângela Camerino
Postado no dia 11/12/2018 - 23:32 Cidade: Muriaé - MgPpara
» Parabéns Davi...que Deus te abençoe nesta nova missão,que você continue assim ,uma pessoa honesta e simples.E vamos juntinhos...


JOSE ANACLETO DE FARIA
Postado no dia 12/12/2018 - 11:08 Cidade: Muriaé - Minas Gerais
» O QUE É O PLANO DIRETOR? O Plano Diretor é uma exigência da Constituição Federal, reafirmada pelo Estatuto da Cidade. É uma LEI MUNICIPAL aprovada pela Câmara de Vereadores e o principal instrumento da política urbana, que deve orientar as políticas e programas para o desenvolvimento e o funcionamento da Cidade. O Plano Diretor deve garantir habitação de qualidade, saneamento ambiental, transporte e mobilidade, trânsito seguro, hospitais e postos de saúde, escolas e equipamentos de lazer, para que TODOS possam morar, trabalhar e viver com dignidade. O Plano Diretor é parte do processo de planejamento municipal, e deve ser o norteador dos Planos Plurianuais (PPA) de investimentos dos governos locais, da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) e da Lei Orçamentária. Além disso, o Plano Diretor deve abranger todo o território municipal. O Plano Diretor não é um instrumento apenas técnico: a participação da população é fundamental para que os seus objetivos sejam atingidos. A elaboração do Plano Diretor deve ser um processo informativo, participativo e formador de cidadãos! FONTE: MINISTÉRIO DAS CIDADES. Cartilha “A CIDADE QUE QUEREMOS”. Disponível na internet.


JOSE ANACLETO DE FARIA
Postado no dia 12/12/2018 - 11:13 Cidade: Muriaé - Minas Gerais
» LEI FEDERAL Nº 10.257/2001 – ESTATUTO DA CIDADE Art. 40 - § 4º. No processo de elaboração do plano diretor e na fiscalização de sua implementação, os PODERES LEGISLATIVO e Executivo municipais garantirão: I – a promoção de audiências públicas e debates com a participação da população e de associações representativas dos vários segmentos da comunidade; II – a publicidade quanto aos documentos e informações produzidos; III – o acesso de qualquer interessado aos documentos e informações produzidos.

COMENTAR
Não use palavras ofensivas ou “palavrões”, calúnias, difamações ou ataques pessoais a honra de alguém: O uso destas palavras agressivas e vexatórias é expressamente proibido neste site. Ao conteúdo deste jeito, o seu comentário será recusado e excluído.

Nome:
E-mail:
Cidade:
UF:
Comentário:


    












PUBLICIDADES