POLÍCIA | 11/01/2014 08:02
Acidente entre caminhão e ônibus deixa ao menos 15 feridos, na BR-116, em Fervedouro
COMENTAR / COMENTÁRIOS 11
Voltar
Acidente entre caminhão e ônibus deixa ao menos 15 feridos, na BR-116, em Fervedouro

O ônibus, com 50 passageiros, foi atingido por tubulões de aço, que caíram da carroceria do caminhão

As vítimas foram levadas para hospitais da região 5 delas estariam em estado grave







Cintas de amarração da carga do caminhão se partiram, soltando os tubos




Um acidente envolvendo um caminhão e um ônibus, na BR-116, em Fervedouro (pouco mais de 50 km de Muriaé), na madrugada deste sábado (11), deixou cerca de 15 pessoas feridas e cinco delas estrariam em estado grave. O coletivo que levava 50 passageiros foi atingido por grandes tubos de aço que caíram da carroceria do caminhão.

De acordo com informações obtidas pela reportagem da Rádio Muriaé, no local do acidente, o caminhão, carregado com 13 mil kg dos chamados “tuvulões” - usados para água ou esgoto - seguia de Barra Mansa (RJ) para Pernambuco e ao fazer uma curva, os tubos se deslocaram e a cintas de amarração não suportaram a carga e se partiram. A tubulação caiu e atingiu a frente lateral esquerda do ônibus, que saiu da Vitória da Conquista (BA), com destino a São Paulo, e passava, no sentido contrário, no exato momento em que os tubos se soltaram.

O motorista do caminhão contou que ao perceber o problema com a carga ainda conseguiu piscar os faróis para o condutor do coletivo, que “jogou” o veículo para o acostamento o máximo possível, evitando consequências trágicas.

O ônibus teve a frente destruída, bem como muitos danos na lateral e na parte traseira. Cerca de 15 passageiros ficaram feridos e foram socorridos para hospitais da região. Cinco deles estriam em estado grave, incluindo um homem, que perdeu um dos braços. O motorista do caminhão não se feriu.

Policiais rodoviários federais sinalizaram o local e controlaram, que ficou complicado no trecho, com a pista parcialmente obstruída pelos veículos e tubos que ficaram atravessados no asfalto.

A Perícia da Polícia Civil de Muriaé realizou os trabalhos técnicos no local e estão sendo tomadas as providências quanto a remoção dos veículos para a liberação total da rodovia.

Fonte : Rádio Muriaé




COMENTÁRIOS 11
Nome: Mario

Postado no dia 12/01/2014 - 00:18
Cidade: tombos - MG

Sou motorista de carreta, e assim como todo motorista, sei que todo cuidado que tomamos com a carga é pouco, mas o fato de ter arrebentado a cinta de amarração, pode ter sido por vários fatores, pois as empresas serias não aceitam transportes de cargas em condições precárias, pois até mesmo as seguradoras não aceitam e nem cobrem qualquer tipo de acidente se a carga estiver irregular ou até mesmo o caminhão, as seguradoras são muitos exigentes nessas áreas, e todos nós sabemos q tragedias acontecem, e todo acidente pode ser evitado... Mas não podemos julgar ninguém, pois não sabemos a verdadeira causa do acidente, se o motorista do caminhão teve culpa ou não. Mas uma coisa eu sei, q todo motorista deve conferir a amarração de sua carga a cada parada q seja feita, pois se todos fizerem isso, muitos acidentes vão deixar de acontecer.
Nome: Ademir Pereira Cunha

Postado no dia 11/01/2014 - 10:34
Cidade: Muriaé - MG

Eu sei que o caminhoneiro está trabalhando,ganhando o seu sustento,mas que é um absurdo uma carga desta altura,com 6 a 7 tubos deste tamanho presos somente com cintas de aço nessas estradas do Brasil,que são bem traçadas,não tem curvas e nem buracos.Eu acho que o transporte destes tubos e outras cargas mais tereia que ser no minimo em carretas com carrocerias de chapa e não madeiras como vemos nas fotos e além das cintas TAMBÉM correntes,mas é Brasil.
Nome: ASV

Postado no dia 11/01/2014 - 10:37
Cidade: Muriae´ - MG

Essas empresas de transporte deveriam inspecionar e supervisionar melhor suas cargas p q esse tipo de tragédia não aconteça.
Nome: marly das graças ribas

Postado no dia 11/01/2014 - 16:27
Cidade: muriae - mg

Que irresponsabilidade,desta empresa;carga sem menor segurança trafegando,pelas estradas.
Nome: Sandra das Dores Mendes da Silva

Postado no dia 11/01/2014 - 21:57
Cidade: Fervedouro - MG

Já está na hora dessas firmas providenciar um outro tipo de transporte mais seguro para transportar esses tubos,por ex colocar barras de ferros para segurar os tubos ao invés de cintas.
Nome: halcion

Postado no dia 12/01/2014 - 00:20
Cidade: Muriae - Minas Gerais

A PRF nessas madrugadas deveria estar atuando mais efetivamente em nossas rodovias, cumprindo sua missão constitucional prevista no § 2º no Art 144 da nossa carta Magna, pois os transportadores desse tipo de carga, cientes da falta de fiscalização no referido horário aproveitam para burlar a fiscalização, transportando produtos siderúrgicos em desacordo com a resolução 293/08. Só as autoridades ainda não atinaram para tal situação. Experimentem pegar a estrada (BR 116) na madruga e me darão razão. espero que pelo menos tenham lavrado um auto de infração em decorrencia da violoção à referida resolução
Nome: Rafael Santana

Postado no dia 12/01/2014 - 01:05
Cidade: São Paulo - SP

Passei hoje cedo pelo local e fiquei tão estarrecido que somente agora li o que realmente aconteceu. Não basta nós tentar ser o máximo prudente especialmente quando transportamos nossos filhos, temos que torcer que os outros sejam pelo-menos no mínimo responsável.
Nome: jefferson

Postado no dia 12/01/2014 - 11:56
Cidade: tres rios - rj

bom o caminhoeiro é um pai de familia que está nas estradas correndo riscos para levar o pão de casa dia para sua casa su familia mais eu acho que o denitt eu o ministerio dos transportes tinha que mudar esse tipo de transportes a alguns anos atras aconteceu uma tragedia dessas na minha região que vitimou quatros jovens que era de minha cidade uma bem pertinho da minha casa então eu acho que esse tipo de pransporte tinha que ser em veiculos igual as segonhas veiculos com carrocerias de ferro para travar esses tubos só assim essas tragedias não iria vitimar pessoas que saem de casa sem saber se ira voltar com saúde ou até com vida fika dika sr ministerio dos transportes
Nome: luiz paulo tedesco

Postado no dia 12/01/2014 - 12:04
Cidade: juiz de fora - mg

quem nao faz, gostaria que fosse responsabilizado ,pois afabrica desses tubos , a transp que retira os tubos da fabrica,e repassa ao (camioneiro)eston em desacordo com o sistema a sosiedade esta pagando por esses INRESPONSAVEIS por cargas que liberaren sem as normas de seguransa. A Enprensa Local ( nota 10 )
Nome: Alexandre

Postado no dia 15/01/2014 - 10:12
Cidade: Nova Friburgo - RJ

Vi este acidente e fiquei preocupado, pensei logo em uma tragédia, graças a Deus ninguem morreu, pois a cena estava horrível.
Nome: marcelo vianna

Postado no dia 05/02/2014 - 10:14
Cidade: planalto - ba

DEVEMOS TOMAR OS DEVIDOS CUIDADOS PARA Q NÃO ACONTEÇA MAIS E NÃO ACHAR O CULPADO. NO BRASIL SÓ SE TOMA AS PROVIDÊNCIAS QUANDO ALGUÉM MORRE. AGRADEÇAMOS Q NINGUÉM MORREU NESTE ACIDENTE E CUIDEMOS PARA Q NÃO HAJA OUTROS JÁ...
Nome:
E-mail:
Cidade:
UF:
Comentário:


    

Topo


PUBLICIDADES





Pagina Inicial

A Empresa
Histórico
Comercial
Trabalhe Conosco

Programação

Serviços
Bolsa de Empregos
Achados e Perdidos
Classificados

Nossa Equipe

Promoções

Pedido Musical

Galeria de fotos

Contato
Ano 2012 –Todos os direitos reservados à Rádio Sociedade Muriaé Ltda. Filiada à: