Muriaé Intervalos nubladoMax 29º
Min  15º
JORNALISMO | 06/12/2019 « Voltar

Em nota à Rádio Muriaé, Caixa esclarece sobre polêmicas no Residencial Vermelho II

Em nota à Rádio Muriaé, Caixa esclarece sobre polêmicas no Residencial Vermelho II
Complexo Vermelho II possui 563 residências, mas desde 2015 não há moradores. (Foto: Rádio Muriaé)



A Caixa Econômica Federal emitiu um comunicado à Rádio Muriaé nesta sexta-feira (06) para falar sobre a situação do complexo habitacional Vermelho II.

De acordo com a nota, a Caixa explica que cumpriu os critérios técnicos estabelecidos pelo Ministério do Desenvolvimento Regional.

O banco esclarece ainda que em 2015 os imóveis estavam prontos para serem entregues, mas pelo fato do local não ter uma estação de tratamento de esgoto (ETE) as casas não foram entregues.

A Caixa ressalta que já realizou o orçamento desses reparos e vem negociando com o município os custos decorrentes do tempo em que as casas ficaram fechadas devido à pendência de infraestrutura, bem como está em tratativas com a Construtora a respeito dos valores necessários para correção das falhas construtivas.

Ainda segundo a nota, O edital de chamamento para habilitação das empresas foi realizado e está em fase de publicação de resultados.

Recentemente o prefeito Grego divulgou um vídeo nas redes sociais informando que tudo que foi determinado para a prefeitura fazer como a construção de redutores de velocidade, a construção de uma escola e a implantação de uma ETE  já foi feito. Ainda segundo a prefeitura, a escola já está em fase final e será entregue até o final de janeiro.

Confira a nota de esclarecimento da Caixa Econômica Federal na íntegra

A CAIXA esclarece que cumpre os critérios técnicos e o padrão de qualidade estabelecidos pelo Ministério do Desenvolvimento Regional para o Programa Minha Casa Minha Vida. As regras do Programa determinam  que o empreendimento seja  entregue em condições adequadas de habitabilidade.

Em 2015, as unidades habitacionais do empreendimento Vermelho II, em Muriaé (MG), estavam praticamente prontas para serem entregues, porém, as obras de infraestrutura - especialmente a Estação de Tratamento de Esgoto, sob a responsabilidade da Prefeitura Municipal, não haviam sido iniciadas. Atualmente a previsão de conclusão destas obras é dezembro deste ano.

Pelo exposto, as unidades habitacionais permaneceram fechadas e ficaram expostas ao vandalismo, além de apresentarem danos físicos por problemas construtivos e pelo tempo sem manutenção. O banco ressalta que já realizou o orçamento desses reparos e vem negociando com o município os custos decorrentes do tempo em que as casas ficaram fechadas devido à pendência de infraestrutura, bem como está em tratativas com a Construtora a respeito dos valores necessários para correção das falhas construtivas.

A CAIXA informa ainda que vem empenhando todos os esforços e medidas necessárias para contratação de nova empresa que realizará a reforma e conclusão das obras do Residencial Vermelho II. O edital de chamamento para habilitação das empresas foi realizado e está em fase de publicação de resultados.

 



Fonte : Rádio Muriaé




COMENTÁRIOS 3


Thayna Campos
Postado no dia 06/12/2019 - 09:25 Cidade: Muriaé - 32
» Vamos ver até qndo vão ficar paradas aquelas casas porque tem gente pagando aluguel sem poder ,passando a perto Agora é esperar para ver qndo nos moradores iremos morar já tem 4 anos esperando e assinamos contrato sem morar na casa.


Maria de Lourdes Santos
Postado no dia 06/12/2019 - 10:09 Cidade: Muriae - Mg
» Vai acabar virando um elefante branco desperdício do nosso dinheiro mal administrado


Aloísio
Postado no dia 06/12/2019 - 11:10 Cidade: Muriaé - MG
» Como pagaram por algo que não tinha infraestrutura no local? Cadê os engenheiros que receberam da caixa? Como aprovaram tal projeto? É simplesmente um absurdo! Não quero nem saber o valor gasto no empreendimento, para não chamar o "coitado" do político de bandido. Vergonhoso!

COMENTAR
Não use palavras ofensivas ou “palavrões”, calúnias, difamações ou ataques pessoais a honra de alguém: O uso destas palavras agressivas e vexatórias é expressamente proibido neste site. Ao conteúdo deste jeito, o seu comentário será recusado e excluído.

Nome:
E-mail:
Cidade:
UF:
Comentário:


    












PUBLICIDADES