Muriaé Céu nubladoMax 31º
Min  19º
JORNALISMO | 17/10/2014 « Voltar

Baixo nível nos rios da região deixam autoridades atentas em Muriaé

Baixo nível nos rios da região deixam autoridades atentas em Muriaé
Na Avenida JK, na altura do Rosário, o baixo nível do Rio Muriaé impressiona à todos que passam no trecho
A Perícia isolou a área para realizar as primeiras investigações





A faca que foi usada no homicídio foi encontrada nos fundos da residência onde a vítima e o autor estavam.



O corpo foi trazido para o IML de Muriaé e em seguida, liberado para a família

O autor foi preso em flagrante, dentro do hospital de Eugenópolis e trazido para DP de Muriaé

Militares de Eugenópolis que registraram a ocorrência.


O fantasma do racionamento de água vem assustando os brasileiros nos últimos meses, diariamente são divulgadas novas cidades declarando estado de emergência devido à falta de chuva.

Em Minas Gerais, 159 cidades já declararam situação de emergência e a previsão é de que esse número ainda aumente. Próximo à Muriaé, Viçosa está utilizando o volume-morto de uma das represas da Universidade e o prefeito da cidade, Ângelo Chequer, assinou um decreto, no dia 9 de outubro, para iniciar o racionamento no município.

Para esclarecer a situação de Muriaé nesse momento, o repórter Gilson Júnior, da Rádio Muriaé, entrevistou o diretor-geral do Demsur, Rodrigo Guarçoni, que falou sobre as ações da autarquia para prevenir a falta d’água na cidade.

Guarçoni explicou que, apesar de alguns bairros mais altos terem problemas com abastecimento de água, a cidade não está sofrendo com a seca, por enquanto. De acordo com ele, os rios estão com baixos níveis de água, mas a realidade de Muriaé é diferente da região devido à adutora ter sido instalada junto à barragem da Companhia Força e Luz, que está com o volume de água praticamente normal.

Ainda assim, ele destaca que esta é uma seca sem precedentes na região e que os rios e nascentes estão com níveis muito baixos, sendo assim, é muito importante a utilização da água com consciência “a realidade de Muriaé é preventiva, de muita cautela, cuidado e monitoramento 24 horas por dia, para que a gente não penalize o cidadão muriaeense que tem o direito de receber água tratada” disse Rodrigo.

Segundo ele, a obrigação do Demsur, a orientação que tem sido passada, é de que se oriente a todo o momento a conscientização da população no consumo de água, “a gente sabe que é um tempo muito seco e que as ruas estão empoeiradas devido ao alto índice de queimadas e de movimentação de terras existentes na cidade” ele pede e complementa “Pedimos a população que não fique com a mangueira ligada durante muito tempo lavando a rua, esse é um momento em que nós temos que fazer nosso dever de casa porque estamos tendo exemplos diários do que tem acontecido nas cidades. A situação é grave”.

Rodrigo ainda destacou a seca da nascente do Rio São Francisco, famoso em todo o país, e que demonstra a situação de alerta e consciência que todos têm que ficar nesse momento.

O diretor-geral do Demsur finalizou a entrevista pedindo colaboração da população e consciência no uso da água para que Muriaé seja um exemplo na região e que seus cidadãos não tenham que enfrentar nenhum tipo de racionamento.

 

 



Fonte : Rádio Muriaé




COMENTÁRIOS 19


PODEROSO CASTIGA
Postado no dia 17/10/2014 - 20:00 Cidade: MURIAE - MG
» O CIENTISTA FALA SOBRE O DESMATAMENTO E A ATIVIDADES ILEGAIS CONTRA O MEIO AMBIENTE.O HOMEM TEIMA, E DESRESPEITOSO, E ARROGANTE. TEIMA AGORA CONTRA DEUS, CONTINUA DESRESPEITANDO ACHANDO QUE VAI DEIXAR PARA FUTURAS GERAÇÕES , SOMOS OS HERDEIROS !!!! ACORDAM...JA DEIXARAM PARA NOS CUIDAR..


ANÔNIMO
Postado no dia 18/10/2014 - 08:45 Cidade: Muriaé - MG
» Não sei se é possível mas essa hora seria bom uma limpeza do Rio. Tem o trabalho voluntário dos presos. E a prefeitura, esta esperando enchente para falar que irá e não cumprir a limpeza do rio.


Onízia Rocha
Postado no dia 17/10/2014 - 22:08 Cidade: Muriaé - MG
» A semanas estamos vendo diariamente na tv a realidade, de uma seca no sudeste q não se via a 100 anos. O rio Muriaé foi muito bem mostrado sua realidade nas fotos. O q eu espero e q tenha no Densur ou na Prefeitura ou qualquer um órgão q possa começar a punir estas pessoas q estão preocupadas c suas calçadas l impas, e nem um pouco preocupadas c as pessoas q ficaram sem água nos morros. É um desabafo pq não estou aguentando ver diariamente este absurdo. Consciência meu povo as águas estão acabando.


Morador do Santa Terezinha
Postado no dia 18/10/2014 - 00:22 Cidade: Muriaé - MG
» Parabéns ao site pela reportagem e ao DEMSUR pelo excelente trabalho. Que todos nós muriaeenses nos conscientizem a não desperdiçar água para que não precisamos de racionar.


Zé Ninguém
Postado no dia 18/10/2014 - 07:22 Cidade: Muriaé - mg
» as pessoas não estão colaborando, vejo pessoas lavando calçadas e quando a gente fala pra eles economizar a água, eles respondem que quem paga a conta e ele. Falta uma fiscalização por parte do DEMSUR, é só multar e aumentar o valor da conta de quem pratica essas ações. e isso acontece não é só no centro é em toda a cidade.


Rita Chaia
Postado no dia 18/10/2014 - 09:25 Cidade: Muriaé - MG
» Deus criou o céu e a terra, e viu que tudo era muito bom! Deus criou o homem e a mulher à SUA imagem e semelhança. Abençoou-os e disse: "Sejam fecundos,... submetam a terra..." Submetam, no sentido de CUIDARMOS, PRESERVARMOS... É isso que temos feito?


SERGIO
Postado no dia 18/10/2014 - 09:34 Cidade: MURIAE - MG
» Jeito tem, mas as pessoas ficam de braços cruzados esperando para o outro resolver,não cuidam das nascentes só falam,desmatamento a vista de todos,nen dos propios rios não cuidam,sabem porque não da voto.desabafo


mauro
Postado no dia 18/10/2014 - 13:28 Cidade: muriae - mg
» em 2007 houve derramamento de bauxita no rio toneladas e mais toneladas,veio muita verba para limpeza do rio,passaram prefeitos e mais prefeitos so com promessas,a limpeza vai começar em agosto deus,parece que agora vai sair,com mais 300.000.000 milhoes com mais este dinheiro todo fica impossivel nao sair????


ADMIRADOR
Postado no dia 18/10/2014 - 13:44 Cidade: MURIAE - MG
» MURIAE TEM ALGUMA RESERVA,ALGUMA REPRESA,O VOLUME MORTO ???SERIA MELHOR SEGURAR UMA PARTE DESTA AGUA QUE DESPEJA NO MAR EM CAMPOS E NÃO VOLTA MAIS.RODRIGO GUARÇONI PENSE COM CARINHO.


Natalino
Postado no dia 18/10/2014 - 14:03 Cidade: Muriaé - Mg
» A DEMSUR poderia mesmo fazer uma parceria com a Prefeitura e aproveitar o nível do rio para fazer uma limpeza, afinal agora ele com toda sua sujeira exposta fica muito mais fácil.


CLÁUDIA
Postado no dia 18/10/2014 - 14:27 Cidade: muriaé - mg
» Anônimo vc falou td


moradora próximo ao rio
Postado no dia 18/10/2014 - 19:27 Cidade: muriae - mg
» A falta de agua pode sim esta matando os peixes,mais tem uma espuma branca que possivelmente de tinturia ou fábrica que desce no rio de manhã pelas 6:30 e a tarde no mesmo horário! E não e pouca espuma não e muita ( não e de esgoto não) tem poucos dias que ta aparecendo ! Também acho que e hora de aproveitar e fazer a limpeza do rio


Renato
Postado no dia 18/10/2014 - 20:49 Cidade: Muriaé - MG
» É lamentável o que está acontecendo com nosso país . Infelizmente muitas pessoas não têm consciência do momento em que estamos passando. No Dornelas por exemplo, tem uma senhora que LAVAR A RUA o dia todo, e aí da de madrugada passo é ela tá jogando água. Sem noção nenhuma!


Ademir Freitas Valetim
Postado no dia 18/10/2014 - 21:36 Cidade: Muriaé - MG
» este problema de falta de agua é serio. as nascente estão secando, junto com Densur a prefeitura com secretaria da agricultura poderia fazer um decreto, proibir de plantar eucalipto perto de nascente e rios e riacho, sabemos que eucalipto é um grande sucador de água, onde é plantado a terra fica seca e árida


marilene pereira de almeida
Postado no dia 19/10/2014 - 09:17 Cidade: Muriae - Minas Gerais
» A PREFEITURA DEVIA APROVEITAR ESSA SECA E FAZER UMA LIMPEZA NO RIO POIS O MAU CHEIRO É INSUPORTAVEL,APROVEITE E LIMPE OS BUEIROS TBM.ÄLGUNS GARIS VARREM O CALÇADÃO E JOGAM A SUJEIRA NO RIO ¨ FICA A DICA


Jandiara santos
Postado no dia 19/10/2014 - 09:25 Cidade: Santo Antônio Do Gloria - Mg
» E a nossa situaçao esta cada vez pior. Devemos nos concientizar sobre e economizar o quanto podemos pra evitar a seca total


Ribeirinho
Postado no dia 19/10/2014 - 23:40 Cidade: Muriaé - MG
» O pior é que não são só pessoas lavando calçadas. Nos edifícios e casas existem piscinas enormes e os proprietários solta aquela água clarinha pela rua e enchem as piscinas de novo. Isso também tinha que ser vistoriado em todas as épocas, não só nas secas históricas como essa.


Moraes
Postado no dia 24/03/2016 - 16:12 Cidade: Santa Teresa - Espírito Santo
» Precisamos recuperar as matas e tratar com respeito os recursos naturais. Sem isto, a vida acabará.


Moraes
Postado no dia 24/03/2016 - 16:14 Cidade: Santa Teresa - Espírito Santo
» Precisamos recuperar as matas e tratar com respeito os recursos naturais. Sem isto, a vida acabará.

COMENTAR
Não use palavras ofensivas ou “palavrões”, calúnias, difamações ou ataques pessoais a honra de alguém: O uso destas palavras agressivas e vexatórias é expressamente proibido neste site. Ao conteúdo deste jeito, o seu comentário será recusado e excluído.

Nome:
E-mail:
Cidade:
UF:
Comentário:


    












PUBLICIDADES